Como Analisar o Resultado do teste de HIV

Como Analisar o Resultado do teste de HIV
5 (100%) 1 vote

Por mais que seja do conhecimento da maiorias das pessoas recorrer a ajuda especializada para saber como analisar o resultado do teste de HIV, muitas pessoas tentam decodifica-lo por conta própria, o que pode acabar resultando em uma interpretação equivocada.Como Analisar o Resultado do teste de HIV

Como Analisar o Resultado do teste de HIV – Tipos de Teste

Existem alguns tipos de exames que podem ajudar a facilitar esse processo de interpretação sem grandes sustos. Confira quais são eles:

O teste Elisa

É o mais comum e tem como objetivo ajudar a detectar a presença de anticorpos no organismo, ou seja, identificar a resposta do organismo contra o vírus e não o vírus em si.

Publicidade

Western Blot

Já este teste por Imunofluorescência são mais utilizados como perfil de exames confirmatórios.

Orasure

Nas campanhas promovidas pelo governo o teste mais comum é o Orasure, que faz a coleta de amostras da saliva.Teste de Aids Orasure

Home Acess Express HIV

Já a opção que pode ser adquirida pela internet nas farmácias online (no exterior) é chamado  de Home Acess Express HIV 1. Esse teste é indicado por ser aprovado pela FDA e é feito com a amostra de sangue.

Para se entender de maneira assertiva os resultados do teste de HIV é importante ler o resultado com a devida atenção aos valores apresentados e se é reagente, não reagente ou indeterminado.

Grande parte dos testes utilizados são os chamados testes rápidos, mais ainda sim o Elisa permanece sendo a opção mais comum, principalmente por ser bem mais completo, identificando os anticorpos contra o HIV no sangue do paciente ou até mesmo na saliva.

Publicidade

Esse teste pode ser feito com o prazo de até um mês após se identificar o comportamento de risco, proporcionando um resultado mais confiável e isentado a necessidade de repetição.

Porém, todos os exames de HIV têm como característica pesquisar os dois perfis de vírus existentes, que pode ser o HIV 1 ou HIV 2.

Resultados dos exames de HIV

Os resultados possíveis referentes ao teste de HIV feito pelo teste Elisa são em grande parte os seguintes:

Reagente:

  • Esse resultado quer dizer que o individuo provavelmente esteve em contato e foi contaminado com o vírus da Aids.

Não Reagente:

O resultado demonstra que o individuo não está infectado pelo vírus da Aids.

Indeterminado ou Inconclusivo:

  • Nesse tipo de caso é recomendável fazer a repetição do teste devido ao fato de amostra não ser clara de forma suficiente. Esse tipo de resultado pode ser ocasionado por situações especificas como uma vacinação recente ou gravidez.

Quando o resultado final identificado é positivo, o laboratório deve usar outro método para que seja confirmada a presença do vírus, como o teste Western blot, Imunoblot e Imunofluorescência indireta para o HIV 1. Somente dessa maneira o resultado poderá ser mais confiável.

Os resultados dos testes rápidos

Os resultados dos testes caracterizados como rápidos utiliza como recurso amostras da saliva ou sangue. Os resultados costumam sair em apenas 30 minutos e são extremamente confiáveis.

Positivo:

Esse resultado revela que a pessoa possui o vírus do HIV, porém é preciso que o teste Elisa seja feito para a confirmação final.

Negativo:

Conclui-se que a pessoa não está infectada.

Geralmente os testes rápidos são realizados em sua maioria em campanhas organizadas pelo Governo, em gestantes que entram em trabalho de parto sem antes ter feito o pré-natal, entre outros. É possível também realizar a compra desses testes em site da internet.Fazendo Teste Hiv

Saiba quando pode ocorrer o resultado falso negativo no HIV

O chamado resultado do teste de hiv falso negativo pode ocorrer quando um individuo não realizou o teste dentro do prazo de até 30 dias posterior ao comportamento de risco. Esse comportamento pode ser relacionado ao uso de uma seringa injetável que possa estar contaminada, perfuração com objetos de corte como faca ou tesoura contaminada, relação sexual sem o uso de preservativo, entre outros.

Nesse tipo de situação o vírus pode estar no organismo mas permanecer camuflado pelo tempo de três ou seis meses. Isso acontece por conta do período de janela imunológica.

O mais indicado é que a pessoa realize um novo teste após 180 dias do primeiro teste.

De maneira mais resumida, sempre que o resultado consta como positivo dificilmente há alguma duvida sobre ter ou não HIV. Já no caso de um resultado negativo pode ser que seja necessário realizar a repetição do teste , devido ao risco de ser um “falso negativo”.

O mais importante é procurar se orientar junto a um infectologista. Esse profissional terá mais base para indicar o que é melhor fazer e também os cuidados e procedimentos necessário, de acordo com cada caso e histórico.

Analisar o resultado do teste de HIV é algo muito importante e exige muita cautela e a chances de uma interpretação equivocadas podem acabar comprometendo as respostas necessárias e favorecer que o quadro se torne ainda mais grave.

Este artigo serve apenas como referência. Procure um médico especialista.

Publicidade

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *